23/05/2021

Nova empresa de transportes de Cascais a partir desta 3ª feira

facebook.com/transportesonline
imagem: C.M. Cascais
A partir desta 3ª feira, dia 25, Cascais conta com uma nova empresa de transportes em resultado do Concurso Público Internacional lançado pela Câmara Municipal de Cascais em 2018, ganho pela espanhola Martin do Grupo Ruíz, que ultrapassou a Scotturb que detém a operação atual, e a Ovnitur excluída inicialmente pelo júri do concurso por não responder a todas as exigências do Caderno de Encargos.

A operação com um horizonte temporal de 10 anos exclusivamente para as carreiras municipais do concelho de Cascais, vai custar aos cofres do município cerca de 12 milhões de euros anuais. Mais horários, mais carreiras, mais 83% de quilómetros percorridos, numa rede que passa inicialmente de 31 para 41 carreiras, e mais 3 carreiras que serão criadas futuramente. Chegam também novos autocarros: 96 no total (79 standard e 17 miniautocarros), dotados de sistema de videovigilância, informação ao público, wi-fi gratuito, tomadas USB, e com capacidade para o transporte de bicicleta (apenas nas carreiras M02, M14, M15, M29, M30, M31 e M35). Foram ainda instalados mais70 abrigos de paragem em todo o concelho. 

A partir desta 3ª feira, o novo serviço de transportes de Cascais conta também com uma nova designação das carreiras. Todos os autocarros estão identificados com a marca MobiCascais e as carreiras passam estar identificadas pela letra M antes do número. Assim, a carreira 401 passa a designar-se por M01, a 402 passa a M02 e assim sucessivamente. Consulte aqui a tabela de correspondência das carreiras!

Carreiras:

Para usufruir do novo serviço de transportes, o utilizador não necessita de fazer nada. Todos os títulos de transporte atualmente em vigor passam a estar disponíveis na nova rede de transportes de Cascais.  Quanto às carreiras intermunicipais, ou seja entre Cascais e Sintra,, continuam a ser asseguradas pela Scotturb, e futuramente pela Viação Alvorada que venceu o lote 1 do Concurso Público Internacional lançado pela Área Metropolitana de Lisboa, e que terá de operar sob a marca Carris Metropolitana. Desta forma, consoante se trate de uma carreira municipal ou intermunicipal, Cascais será servida por 2 operadores de transporte rodoviário.

1 comentário:

Leonardo disse...

Uma grande treta, isso sim! Não há mais horários e os autocarros estâo sempre, sempre atrasados. No Terminal de Cascais os atrasos ultrapassam 40 minutos, 50 minutos e mais de uma hora. Especialmente após às 19 horas. Mas a empresa recebe seus 12 milhões de Euros na mesma. A população que faça papel de bobo e chegue com mais de uma hora de atraso ao trabalho.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search