23/03/2017

easyJet deixa de voar para os Açores a partir de Outubro

facebook.com/transportesonline
A easyJet vai abandonar a rota Lisboa/Ponta Delgada a partir do próximo Outono. Em causa está a falta de aviões da companhia para operar rotas mais lucrativas, o que retira capacidade para a operadora continuar a operar para os Açores, um destino que tem uma forte concorrência da TAP, SATA e da Ryanair.

A companhia low-cost inaugurou a ligação entre Lisboa e Ponta Delgada a 29 de Março de 2015, com a liberalização das rotas para a São Miguel. Até então, TAP e SATA tinham o duopólio da operação. Pouco tempo mais tarde, também a irlandesa Ryanair passou a voar para Ponta Delgada, tanto a partir de Lisboa como do Porto, e para a Ilha Terceira em Dezembro passado.

13/03/2017

Andante válido no comboio até à Trofa

facebook.com/transportesonline
A partir da próxima 2ª-feira, o Andante é válido no comboio até à Trofa. Segundo os TIP, entidade que gere o tarifário intermodal, este título é extensível à cidade da Trofa nos comboios suburbanos da CP das linhas de Guimarães e de Braga.

Até à data, o Andante era válido nestas linhas até Ermesinde. Com este crescimento, passa a poder ser usado nas estações de Portela, São Romão do Coronado, São Frutuoso, Leandro, Travagem e Trofa. Para o efeito, foi criada uma nova zona: a "N18". Para viajar do Porto à Trofa basta adquirir um título Z6. Com este alargamento, dá-se mais um importante passo no crescimento da rede intermodal, que num futuro próximo será largado a outros municípios da Área Metropolitana do Porto como Paredes, mas também para sul como Santa Maria da Feira, São João da Madeira, Ovar, Arouca, entre outros.

10/03/2017

AML estuda novo modelo tarifário para a região de Lisboa

imagem: carris.pt
A Área Metropolitana de Lisboa (AML) está a estudar a criação de um passe geral intermodal que abranja os 18 concelhos da região de Lisboa e todos os operadores de transporte.

A AML está a preparar um estudo que deve estar pronto no final de Junho para avaliar o impacto financeiro nos operadores, pela criação de um tarifário intermodal. Atualmente existem mais de 2 mil títulos transporte na região de Lisboa. Os utentes dos transportes públicos queixam-se de pagarem passes para zonas e operadores que não utilizam, o que faz encarecer o valor da assinatura mensal. Para além disso, nem todos os operadores estão integrados no passe social, obrigando os clientes em determinados casos a ter de adquirir 2 assinaturas mensais.
A multiplicidade de títulos de transporte existentes entre as várias empresas de transporte, também se reflecte nos títulos ocasionais. Cada operador tem o seu próprio plano tarifário, o que implica que a utilização de vários operadores para a realização de uma viagem obriga pagar um bilhete por cada operador utilizado. Se o cliente utilizar títulos pré-pagos terá de ter vários cartões Viva Viagem com o título correspondente a cada uma das empresas utilizadas. A mudança para um tarifário intermodal significará que os utilizadores passarão a pagar em função do percurso e não em função do número de operadores que utiliza. Isso significa por exemplo, que a utilização de dois ou três transportes diferentes permite, num determinado período de tempo, que o utilizador vai pagar apenas um bilhete, mesmo que necessite de fazer vários transbordos. Um sistema, um pouco semelhante ao Andante utilizado na região do Porto há vários anos, e que permite a utilização indiferenciada de vários operadores com um único título de transporte, caso se trate de títulos ocasionais ou de assinatura mensal, cujo preço a pagar depende apenas do percurso a efectuar e não do número de operadores utilizados.
A compensação financeira a pagar aos diversos operadores terá de ser encontrado com recurso a verbas do Orçamento de Estado, as chamadas indemnizações compensatórias, mas também a outras fontes como receitas de parques de estacionamento, ou multas de estacionamento.

08/03/2017

Câmara de São Pedro do Sul oferece passe a idosos

facebook.com/transportesonline
A Câmara Municipal de São Pedro do Sul vai oferecer 2000 passes aos seus habitantes com idade igual ou superior a 60 anos.

De acordo com o site Transportes em Revista, a autarquia de São Pedro do Sul vai entregar cerca de 2000 cartões "+ Sénior" a residentes do concelho com 60 ou mais anos, que permitirá viajar de forma gratuita na rede da Transdev. Para além disso, o cartão dará vários descontos em eventos culturais e atividades económicas.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search