31/10/2010

Transportes Sul do Tejo com novos horários

A Transportes Sul do Tejo (TST) tem novos horários nas suas ligações. A partir de amanhã, a carreira 326 (Barreiro-Palmela) muda de horário sendo que, a ligação a Setúbal até agora assegurado por esta carreira, passará a ser efectuado pela carreira 767.
Mudam de horário as carreiras 604 (Amoreiras-Mercado), 609 (Camolas-Casal das Figueiras), e 614 (Camolas-Casal das Figueiras).
De referir, que a carreira 439 (Palmela-Pinhal Novo) é suprimida. O percurso efectuado por esta carreira é desdobrado pelas carreiras 413 (Alcochete-Setúbal) e 767 (Palmela-Setúbal).

A partir de 2 de Novembro mudam os horários das carreiras 201 (Cabo Espichel-Sesimbra), 223 (Aldeia do Meco-Sesimbra), 259 (Casais da Serra-Vila de Azeitão Escola C+S), 302 (Baixa da Banheira-Fogueteiro), 313 (Moita-Quatro Marcos) e 436 (circular Montijo-Montijo).

No dia 2 de Novembro será lançada também a carreira Charneca de Caparica - Marquês de Pombal. A nova ligação a Lisboa da TST será identificada com o número 151 e passará pelas localidades de Botequim, Lazarim, Sobreda, A Índio, Forum, Centro Sul, e Portagem.





* saber mais em: http://www.tsuldotejo.pt/index.php?page=noticias&sub=22&codNoticia=13

30/10/2010

Serviços especiais dia 1 de Novembro

No dia 1 de Novembro as empresas rodoviárias de transportes das principais cidades, ajustam algumas das suas linhas para melhor servirem os cemitérios.
Assim, no Porto a STCP reforça as seguintes linhas: 55, 204, 207, 305, 400, 401, 505 e ZM

Em Braga, os Transportes Urbanos reforçam a linha 19 (Enguardas » Quinta da Capela » Enguardas) entre a Ponte S. João e o Cemitério de Monte D'Arcos) no dia 31 entre as 8h e as 12h e as 14h e as 17h, e no feriado de dia 1 entre as 8h45 e as 12h15 e entre as 13h45 e as 17h45.


28/10/2010

Sintra vai criar sistema de transportes sustentáveis

Chama-se Ecomob – Sistema Integrado de Transportes Sustentáveis de Sintra, o projecto que a Câmara Municipal de Sintra concebeu e irá implementar até final do próximo ano, naquele concelho da Área Metropolitana de Lisboa. O projecto, que está a ser desenvolvido pela AMES – Agência Municipal de Energia de Sintra, tem como principal objectivo permitir o acesso aos principais pontos turísticos da vila, através de veículos eléctricos. Uma das principais medidas que irão ser levadas a cabo é a extensão da actual linha do eléctrico que faz a ligação entre a Praia das Maçãs e Sintra, à estação ferroviária da Portela. Esta estação, que actualmente é um dos principais interfaces de transportes do concelho, irá também acolher um parque de estacionamento onde os turistas poderão alugar automóveis eléctricos e bicicletas eléctricas. A autarquia irá adquirir 10 veículos desta tipologia e prevê criar mais três parques de estacionamento onde se poderá levantar ou deixar os automóveis, mais precisamente em Colares, Praia Grande e Praia das Maçãs. A criação de uma rede de mini-autocarros eléctricos, que sirva os principais pontos turísticos da vila, é outra das medidas a ser implementadas. Segundo Luis Fernandes, da AMES, o acesso a esta rede irá funcionar com um cartão único, que depois de adquirido e carregado, permitirá viajar no eléctrico ou no mini-autocarro, assim como aceder aos automóveis e bicicletas.
 

27/10/2010

Transportes aumentam 5%

A partir de 1 de Janeiro andar de transportes públicos pode vir a custar mais 5%.
A proposta do Governo no Orçamento de Estado para 2011 prevê um aumento tarifário na ordem dos 5%, acima da inflação prevista, que é de 2,2%.
A actualização tarifária será aplicada a transportadores públicos e privados. O Governo pretende ainda baixar as indemnizações compensatórias  às empresas, isto é, verbas atribuídas pelo Estado para cobrir a diferença entre despesas e receitas.
Também os passes para estudantes sub_18, e sub_23 deverão sofrer uma redução dos apoios do Estado.

26/10/2010

Transtejo e Soflusa fundidas

No âmbito da proposta de Orçamento de Estado para 2011 as empresas de transporte que garantem a travessia no Tejo: a Transtejo e a Soflusa serão fundidas numa só.
Apesar, de ambas empresas terem a mesma administração, juridicamente têm estatutos diferentes, o que lhes garante independencia de uma em relação à outra.
Também a Carris e Metropolitano de Lisboa, e a STCP  e o Metropolitano do Porto, de acordo com a proposta orçamental, deverão desenvolver sinergias ao nível administrativo e operação das empresas.
O Metro do Montego por seu turno, será extinguido, e a operação integrada na Refer, o mesmo sucedendo com a Rave (Rede de Alta Velocidade), que também será integrada na Refer.
A CP Lisboa e CP Porto serão concessionadas.

21/10/2010

Gondomar com ligação directa ao Hospital Santo António

Já era uma reivindicação antiga dos moradores de Gondomar, ter uma ligação directa ao Hospital de Santo António.
A partir da próxima 2ª-feira dia 25, a linha 801 da STCP será prolongada à Cordoaria, possibilitando aos gondomarenses uma ligação directa àquela unidade hospitalar.
O percurso extendido a partir da Rua Fernandes Tomás, contorna o Bolhão descendo a Rua Sá da Bandeira até à Praça D. João I. Cruzando a Av. dos Aliados entra no Túnel de Ceuta até à parte nova do Hospital Santo António, dando seguimento até à Cordoaria onde se situa a paragem terminal.

20/10/2010

Linha laranja inaugurada brevemente

A extensão da rede de metropolitano ligeiro até Fânzeres, Gondomar será inaugurada brevemente. Estima-se, assim escreve a imprensa, que por altura do Ano Novo seja possível viajar de metro até Gondomar.
Com as obras praticamente concluídas, a Metro irá fazer os primeiros testes com composições a circularem vazias nas primeiras semanas de Novembro e Dezembro.
Na prática são criados apenas sete quilómetros de rede entre o Estádio do Dragão e Fânzeres, e dez novas estações, mas esta extensão acrescentará à rede uma nova linha, a denominada linha laranja, ou linha F.
A linha F partirá de Fânzeres até ao Sr. de Matosinhos, num troço comum às linhas A, B, C, e E. A partir daqui, as composições podem ter outro destino como por exemplo a Maia, o Aeroporto, ou a Póvoa de Varzim.
Em horas de ponta a frequência será de quinze minutos.
Serão agora instaladas ao longo da linha as máquinas de validação e compra de bilhetes, painéis electrónicos, e sinalização.

19/10/2010

CP Porto e CP Lisboa concessionadas

De acordo com a proposta de Orçamento Geral do Estado, a CP terá a seu cargo a responsabilidade de efectuar um estudo sobre a viabilidade para a concessão das linhas suburbanas de Lisboa e Porto. Até Março do próximo ano, a empresa terá de apresentar as conclusões à Tutela sobre os moldes em que os dois serviços serão concessionados.
Sabe-se de algum tempo, que a Transdev estava interessada nestas concessões. Contudo, o processo terá de respeitar os trâmites legais, sendo o vencedor escolhido através de concurso público internacional.

18/10/2010

easyJet vai abrir base aérea em Portugal

A companhia britânica de voos de baixo custo vai abrir a sua primeira base aérea em Portugal.
De acordo com o jornal "Público", a easyJet decidiu instalar uma base aérea no Aeroporto de Lisboa, com um investimento a rondar os 300 milhões de euros. Lisboa terá sido escolhida numa lista onde figuravam cinquenta e sete cidades como Barcelona e Amesterdão, devido ao seu potencial de crescimento.
A companhia promete criar cerca de dez novas rotas até ao final do próximo ano com a instalação desta base, e domiciliar na Portela sete aeronaves.
Apesar da easyJet operar em quatro aeroportos nacionais, é no Aeroporto de Lisboa que se centra a maior parte do seu investimento num total de dezasseis rotas, ameaçando a liderança da TAP.
Para além da companhia de bandeira, a easyJet é a primeira operadora aérea a instalar uma base no aeroporto da capital, depois da Ryanair há poucos dias ter anúnciado a intenção de instalar ali uma base até ao próximo Verão.

16/10/2010

Metro do Porto lança serviço SMS segurança

O Metro do Porto lançou um serviço via telemóvel, que permite aos utentes denúnciar situações de perigo ou vandalismo.
Esta acção visa reforçar o sentimento de segurança em toda a rede, permitindo de forma célere corrigir  situações através dos efectivos de segurança presentes nas estações.
Para proceder à denúncia via sms, o utente deverá escrever MP SOS mensagem que veve indicar a estação ou veículo onde se deu a ocorrência e enviar para o 4901. A mensagem tem um custo normal. No caso, da denúncia ser referente a um veículo, o utente deve indicar o número do veículo, que pode ser visto na parte dianteira e lateral, ex: MP071.

* brochura: metrodoporto.pt

11/10/2010

Gondomarense com três novas linhas

A empresa de transporte rodoviário Gondomarense iniciou a operação de três novas linhas em Gondomar.
O serviço é assegurado por mini-bus entre a freguesia de Rio Tinto e o centro do concelho.
A linha 81 liga Baguim do Monte ao Parque Nascente passando pela Escola E. B. 2/3 e funciona todos os dias da semana. vêr horário: (http://www.gondomarense.pt/horarios-2006/HORARIOS-PDF/NOVOS/81-BAGUIM-RIO%20TINTO.pdf)

A linha 82 liga Fânzeres ao Centro de Saúde, e funciona de 2ª a 6ª. vêr horários: (http://www.gondomarense.pt/horarios-2006/HORARIOS-PDF/NOVOS/82-FANZERES-SOUTO.pdf)

A linha 83 também funciona de 2ª a 6ª, será uma linha circular a partir de Valbom passando pela Junta de Freguesia, Escola E. B. 2/3, e pelas piscinas. vêr horário: (http://www.gondomarense.pt/horarios-2006/HORARIOS-PDF/NOVOS/83-VALBOM-CIRCULACAO.pdf)

O título de viagem pode ser adquirido a bordo, e tem um custo de 0.85€ para uma zona, e de 1.15€ para duas zonas. Menores de doze anos, e maiores de sessenta e cinco pagam apênas metade do bilhete.
Brevemente, segundo a Junta de Freguesia de Rio Tinto, estas linhas estarão integradas no sistema intermodal Andante.

10/10/2010

Opinião: Más práticas!

Portugal é cada vez mais um país vocacionado para o turismo, e ainda bem! Os turistas, usam os transportes públicos para se moverem na cidade, e conhecerem os principais pontos de interesse histórico e cultural, o que é óptimo!
Para se moverem na cidade, turistas e utentes habituais precisam de uma boa rede de transportes colectivos. Mas, necessitam também de uma boa informação acerca dos mesmos.
Hoje, domingo dia 10 de Outubro, verificamos que o eléctrico 1 e 18 da STCP não estavam a operar, pelo menos de acordo com o horário afixado nas paragens, sem que existisse qualquer informação a avisar sobre possíveis alterações, ou cancelamentos destes serviços. Pior ainda, para quem nos visita e quer experimentar o serviço de eléctricos, não dispõe de qualquer informação sobre os mesmos.

Outro mau exemplo que testemunhamos, verificou-se na linha 500 da STCP quer no sentido Loios-Matosinhos, quer no sentido inverso. Um percurso que percorre a beira rio, e a zona marítima do Porto e Matosinhos e neste sentido, com forte procura por parte dos passageiros, estava a ser operada por veículos standard, em vez dos autocarros articulados.
A consequência deste mau planeamento, originou que os autocarros em circulação estivessem sobrelotados, provocando desconforto aos passageiros, e dores de cabeça a quem ficou na paragem por não conseguir entrar no autocarro.
E nós perguntamos à STCP:  porque estavam a circular nesta linha autocarros standard, e estavam na recolha os veículos articulados?

J.A.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search