27/03/2011

STCP suprime linha ZA

A linha ZA (Zona Angeiras) da STCP que efectuava a ligação entre Freixieiro e a Lavra no concelho de Matosinhos será descontinuada a partir de amanhã.
Depois de ter sido criada com a reestruturação da rede em Janeiro de 2007, a STCP suprime esta ligação devido aos baixos níveis de procura registados. Segundo a empresa, a linha registava uma média de 3 passageiros por viagem, o que não justifica a sua continuação.
A STCP informa também, que a linha ZF (Zona Francelos) que liga Francelos à Estação de Valadares no concelho de Vila Nova de Gaia será suprimida aos fins-de-semana, já a partir do próximo fim-de-semana,  pela fraca procura registada nestes dias.

26/03/2011

Empresas públicas de transportes estão à beira do colapso financeiro

As empresas públicas de transportes estão à beira do colapso financeiro. Segundo escreve o jornal «Expresso» citando algumas fontes, as empresas poderão não ter dinheiro para pagarem salários a partir de Setembro.
O conjunto das empresas públicas de transporte têm um passivo superior a 10 mil milhões de euros. Os casos mais graves são os da CP, Refer, Metro de Lisboa e Metro do Porto que têm muita dificuldade em financiar-se junto da banca, e poderão comprometer a regularização de alguns compromissos.
Uma das medidas que o Estado poderá vir a tomar, poderá passar por a breve prazo privatizar estes serviços. Tudo dependerá do resultado das próximas eleições.

21/03/2011

CP: greve dos maquinistas às primeiras horas de 4ª - feira

A CP fez saber em comunicado que os maquinistas da empresa vão fazer greve às primeiras horas de 4ª - feira, prevendo-se portanto, fortes perturbações em todos os serviços já a partir de 3ª - feira à noite.

A greve convocada pelo sindicato dos maquinistas prevê uma paralisação entre as 5h e as 9h de 4ª - feira. Contudo, a CP adverte para a possibilidade de ocorrerem perturbações a partir de amanhã ao final do dia, situação que se prevê até às 10h de 4ª - feira. Apesar de tudo, no que respeita ao serviço de suburbanos de Lisboa, a empresa salienta que os comboios da linha de Cascais começarão a circular por volta das 13h30, os comboios da linha de Sintra cerca de uma hora mais tarde, e os da linha da Azambuja cerca das 15h.

18/03/2011

Florença vende bilhetes por SMS

A empresa de transportes de Florença em Itália (ATAF) disponibiliza um novo serviço, que permite adquirir o bilhete de transporte por SMS.

Como forma de evitar as filas para aquisição de título de transporte, a ATAF disponibiliza um serviço que permite ao cliente associar o número do seu cartão de crédito a uma conta de operador telefónico. Depois, basta enviar um SMS para um número especifico, recebendo de imediato um código no telefone que substitui o bilhete.
O serviço está disponível desde 16 de Março, e não tem qualquer custo adicional para o utilizador, a não ser o preço do envio do SMS de acordo com o plano tarifário do cliente. Permite, numa primeira fase adquirir bilhetes simples que dão o direito a viajar durante 90 minutos.
A partir de 15 de Abril, o serviço passa a estar disponível para o serviço de estacionamento, gerido igualmente pela ATAF.

16/03/2011

Lisboa avança com projecto de Metrobus

A Câmara Municipal de Lisboa (CML) vai avançar com um sistema de transporte colectivo em sítio próprio, que numa primeira fase será realizado através de um sistema de “metrobus”, mas que deverá ficar preparado para receber um sistema de metro ligeiro de superfície. Em declarações à Transportes em Revista, o vereador da Mobilidade da CML, Fernando Nunes da Silva, revelou que o projecto «está a ser desenvolvido a partir do Plano Director Municipal» e que a opção pelo meio de transporte «será tomada em função da procura. Importante é que o “espaço-canal” esteja já definido e projectado para vir a ter uma rede eléctricos rápidos ou um metro ligeiro de superfície». Este sistema de transporte colectivo em sítio próprio da cidade de Lisboa irá ser composto por duas redes, uma na Coroa Norte e outra no eixo Alcântara/Restelo. A rede da Coroa Norte será composta por duas linhas. A primeira ligará as zonas da Ameixoeira, Charneca do Lumiar, Lumiar, Paço do Lumiar, Carnide e Benfica. A segunda irá ligar Benfica, Sete Rios, Cidade Universitária e deverá acabar na zona da Av. Dos Estados Unidos da América.


No eixo Alcântara/Restelo, o projecto prevê a ligação entre Alcântara-Terra, Alvito, Pólo Universitário da Ajuda e Av. das Descobertas, no Restelo. Em relação a este último projecto, Nunes de Silva refere que «está ainda um bocado atrasado porque existem questões por resolver, como por exemplo, o traçado a seguir».

O vereador da CML diz ainda que o modelo de negócio que vier a ser adoptado para este projecto deverá ser baseado numa parceria entre a Câmara e outra(s) entidades, num modelo de “construção/exploração”, onde a concessão é pública mas o investimento e exploração serão assegurados pelas entidades que vencerem o respectivo concurso. Neste projecto, Nunes da Silva ressalva que «o mais importante é ter um “espaço – canal” que seja bem articulado com as zonas urbanas, com distâncias entre paragens curtas, grandes intensidades de paragem e que tenha um perfil longitudinal que permita ter inclinações que possam ser vencidas quer por um eléctrico quer por um autocarro. Do ponto de vista económico, o Metrobus é muito mais barato não só pelo custo da infra-estrutura como do material circulante. Se quisermos que seja uma concessão pública é fundamental que seja minimamente atractiva». De acordo com o vereador, o concurso para primeira fase deste projecto, entre Ameixoeira e Benfica, deverá ser lançado ainda durante o actual mandato do Executivo camarário liderado por António Costa.

in: http://www.transportesemrevista.com/ de 16 Mar/11

12/03/2011

STCP: novos horários a partir de 2ª - feira

A STCP vai proceder a um reajuste horário a partir de 2ª - feira dia 14, nas seguintes linhas: 305 (Cordoaria/Hosp. S. João), 400 (S. Bento/Azevedo), 506 (H. S. João/Matosinhos-Mercado), 703 (Cordoaria/Sonhos), 705 (H. S. João/Valongo), 800 (Bolhão/Gondomar), 801 (Cordoaria/S. Pedro da Cova) e 804 (H. S. João/S. Pedro da Cova).
Os horários já se encontram disponíveis para consulta nas respectivas paragens.

11/03/2011

CP Lisboa vai eliminar comboios da madrugada

A CP Lisboa vai eliminar os comboios das 2:30, 3:30 e 4:30 que circulavam nas linhas de Cascais e Sintra nas madrugadas de Sábados, Domingos e feriados.
A empresa anúnciou que a taxa de ocupação nestas ligações rondava os 20%, e que apenas cobria 30% do custo. No ano passado,  a CP eliminou o serviço nocturno na linha da Azambuja sem que se registasse qualquer reclamação.
Com esta medida a CP espera poupar cerca de 75 mil euros.

09/03/2011

Metro de Lisboa tem novo sistema de informação

O Metropolitano de Lisboa activou, no passado dia 5 de Março, um novo sistema de informação ao passageiro. A partir de agora, as mensagens disponibilizadas em toda a rede são definidas de acordo com o tempo previsto para a interrupção e a respectiva causa. Do mesmo modo, e no que diz respeito ao tempo estimado para a normalização da circulação, existirão três mensagens: “até 15 minutos”, “superior a 15 minutos” e “por tempo imprevisto”, sempre em actualização constante. Por seu lado, a nível das interrupções/perturbações, os motivos poderão prender-se com os seguintes tópicos: “avaria de comboio”, “avaria na estação”, “avaria no túnel”, “incidente com passageiro”, “animal na via” e “Outras”.


“A configuração desta informação será diferente da actual, procurando-se dar relevância à indicação da Linha/Estação onde se verifica a perturbação, dando esta informação em primeiro lugar. Desta forma os clientes que se encontrem ou se desloquem para essa Linha/Estação, ficarão mais atentos à informação que está a ser difundida no momento”, revela o Metropolitano de Lisboa, informando ainda que “prevê que sejam necessários alguns dias para que todos os ajustes à actualização do sistema de informação se efectivem, mas conta ter a total operacionalidade o mais breve possível”.

in: http://www.transportesemrevista.com/ de 9 Mar/11

04/03/2011

Comboios mais baratos em Espanha 5%

O Governo espanhol aprovou a redução do limite de velocidade em auto-estrada para 110 km's/hora. A crescente escalada do preço do crude levou o executivo espanhol a tomar medidas para a redução da despesa com o "ouro negro".
Outra das medidas aprovadas, estabelece a redução do preço do bilhete dos comboios de pequena e média distância em cerca de 5%, como medida de incentivo ao uso dos transportes.
Ambas as medidas vigoram a partir da próxima semana.

03/03/2011

Rede Expressos disponibiliza video on-demand a bordo

A Rede Expressos vai passar a disponibilizar nos seus autocarros uma aplicação video on-demand. O sistema foi desenvolvido pela Zon e será implemntado, numa primeira fase, em cem autocarros, que disponibilizarão conteúdos à escolha dos passageiros, fornecidos pela Zon Empresas.


O novo serviço, importante para a redução da ansiedade dos passageiros e aumento do conforto a bordo, surge na sequência de uma parceria estabelecida no início de 2010 entre a Rede Expressos e a Zon Empresas. Depois da instalação de uma corporate TV a bordo dos autocarros e de uma rede wireless de Internet, os autocarros da Rede Expressos passarão agora a ter tomadas que permitem o carregamente de diversos dispositivos móveis. Isto porque será através de equipamentos pessoais, como telemóveis, smartphones, computadores portáteis ou iPad, que o passageiro poderá aceder a esta funcionalidade. Para isso basta ligar-se através da rede wireless disponibilizada à Internet. Será recebido por um menu de boas-vindas que disponibiliza diversas opções de visualização de conteúdos, comos filmes e documentários.

Segundo a Transportes em Revista apurou junto da direcção da Rede Expressos, “o sistema está pronto a arrancar”. Depois da fase inicial, ainda experimental e que pretende aferir o interesse e reacção dos passageiros, a funcionalidade deverá ser alargada aos restantes autocarros do operador, pretendendo-se que, a médio prazo, os 4.300 milhões de passageiros que anualmente percorrem os 42 mil kms de rede concessionada em todo o país tenham acesso a mais este serviço livre.

in: http://www.transportesemrevista.com/ de 3 Mar/11

02/03/2011

Carris procede a ajustamentos na rede

A partir de 5 de Março a Carris irá proceder a um conjunto de alterações na rede.

São alterações ao troço de 14 carreiras que a partir de sábado terão efeito na rede da Carris. Em primeiro lugar, 6 carreiras são suspensas nomeadamente a carreira 7 (Praça Chile/Sr. Roubado) cuja alternativa passa pelas carreiras 36, 735 e 767 e o metro; 39 (Marvila/Xabregas) sendo as carreiras 742, 759, 793 a alternativa a este percurso; carreira 92 (T. Paço/Príncipe Real) passando as carreiras 758, eléctrico 28 e o metro a serem a alternativa; 752 (Centro Norte/Centro Sul) cuja alternativa passa pela 753; 780 (Saldanha/Portas de Benfica) passando as carreiras 716 e 750 a serem a alternativa. A carreira nocturna 204 (Marquês de Pombal/Est. Fluvial de Belém) também será suprimida, e as carreiras 768 (Cidade Universitária/Quinta Olival) e 781 (Cais Sodré/Prior Velho) serão suspensas ao fim-de-semana.
Outro conjunto de carreiras  terão igualmente alguns ajustes: 12 (Est. Sta. Apolónia/Alcântara Mar) ao fim-de-semana terá término em Campolide; 702 (Restauradores/Serafina) passará a ser feita entre Marquês Pombal e a Serafina; 706 (T. Paço/Est. Sta. Apolónia) passará a ser feita entre Cais do Sodré e Est. Sta. Apolónia; 727 (Est. Roma-Areeiro/Restelo) passará a ser feita ao fim-de-semana entre Saldanha e Restelo; 745 (Est. Sta. Apolónia/Prior Velho) passará a ser feita entre T. Paço e Prior Velho.
Todas estas alterações, garante a empresa, terão alternativa por outras carreiras ou metropolitano.

01/03/2011

Estacionar e andar de transportes públicos por 49€

No final de Abril será possível estacionar o automóvel num dos parques da EMEL e da Emparque em Lisboa, e apanhar o autocarro, ou o metro em seguida com um único passe mensal no valor de 49€.

Um passe mensal combinado Carris/Metro chegava quase aos 30€ mensais. Um passe para o estacionamento rondava o mesmo valor, ou até uma quantia superior, o que tudo somado poderia chegar aos 90/100€ por mês.
O novo passe combinado dos operadores públicos da capital e das empresas concessionárias dos parques será possível por apenas 49€/mês estacionar o carro em qualquer parque da cidade, e seguir viagem de metro ou de autocarro.
Esta é um esforço da autarquia lisboeta em diminuir o trânsito nas ruas da baixa, e um estímulo ao uso do transporte público.

Até 2013 Vila Real quer mudar panorama transportes

in: Porto Canal
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search