31/08/2011

Documentos para o tarifário social +

A partir de 1 de Setembro elementos com rendimentos mensais brutos até 545€ podem requerer a nova tarifa "social +", que permite descontos na compra de assinaturas intermodais. Assim, tanto em Lisboa como no Porto para aquisição do tarifário "social+", os utentes deverão entregar os seguintes documentos:
-Cópia de BI, Contribuinte, e nº da Segurança Social;
-Cópia de Modelo 3 de IRS de 2010;
-Cópia de Nota de Liquidação ano 2010;
-Download requerimento Andante ou Lisboa Viva. Os utentes devem fazer-se acompanhar dos documentos originais.

No Porto, para solicitar este tarifário, os utentes poderão dirigir-se a qualquer loja Andante, posto de atendimento STCP, ou CP. Em Lisboa, apenas nos balcões de atendimento da Carris de Santo Amaro e Arco Cego, estações do Metro do Marquês de Pombal e Terreiro do Paço, na CP nas estações do Rossio e Cais do Sodré, na Transtejo no terminal do Cais do Sodré. Depois de os cartões estarem parametrizados com a nova assinatura, os utentes podem carregar os passes nos locais habituais.

A saber:
-Portadores de assinaturas com desconto (reformados/pensionistas, estudantes) não têm direito ao tarifário "social+";
-Apenas os tarifários intermodais dão acesso ao desconto;
-Em Novembro é necessário actualizar os dados junto do operador de transportes;
-O tarifário "social+" apenas está disponivel na região de Lisboa e do Porto.
AddInto

29/08/2011

Nova tarifa social a partir de Setembro

O Governo anunciou a nova tarifa social nos transportes que irá vigorar a partir de Setembro.

Até agora qualquer utente portador de uma assinatura mensal para utilizar nos transportes urbanos até 50 km's, era beneficiário de uma tarifa social, ou seja, pagava um preço inferior ao custo real do transporte. No inicio deste mês por despacho governamental, as tarifas de transportes urbanas aumentaram em média 15% para fazer face à divida acumulada das empresas de transporte, e para fazer face às despesas dos operadores no transporte de passageiros. Ainda assim, as tarifas de transportes contando com a última actualização tarifária continuam abaixo do custo real de transporte.
O Governo defendeu que a tarifa social não seria igual para todos. Esta teria de depender dos rendimentos de cada utente, prometendo contudo, que cidadãos de menores rendimentos beneficiariam de uma tarifa social para fazer face ao aumento médio de 15% registado.
A partir de 1 de Setembro e por um período de 12 meses renovável, os cidadãos com rendimentos brutos até 545€ mensais irão beneficiar da nova tarifa social.
No inicio os utentes deverão fazer provas de rendimentos junto do operador com a entrega de documentos comprovativos dos rendimentos mensais obtidos. Até ao final do ano será possível obter uma declaração electrónica no site da DGCI.
A bonificação com o novo passe social poderá ir dos 7,10€ até aos 21,50€. Tomemos como exemplo o tarifário intermodal andante no Porto para 2 zonas, que custava antes do aumento em Agosto 24,50€, e com o aumento de 15% passou a custar 28,50€. Com o novo passe social passará a custar 21,30€ ainda menos que o preço existente antes do aumento dos transportes em Agosto.

AddInto

25/08/2011

Táxis de Londres estão entre os preferidos pelos turistas


Os táxis londrinos estão entre os preferidos pelos turistas. De acordo, com o relatório do site hoteis.com, os táxis londrinos ocupam a primeira classificação de cinco das sete categorias a votação: segurança, simpatia, limpeza, qualidade da condução e conhecimento da zona.
Apesar, de ser considerado o meio de transporte preferencial para transportar os viajantes do aeroporto para o hotel, o táxi de Londres é considerado o mais caro pela maioria dos inquiridos.
aAddInto

22/08/2011

Transportes para «Beach Party Azurara»

No próximo fim-de-semana realiza-se na Azurara em Vila do Conde a 8ª edição do «Azurara Beach Party».
Para o local do evento, a melhor opção é o Metro do Porto. A partir do Estádio do Dragão, Campanhã, Trindade, Casa da Música e Sra. da Hora, entre outras estações, a linha "B" do Metro do Porto com destino à Póvoa de Varzim serve o local do evento, na estação Azurara durante toda a noite. A partir do Aeroporto linha "E" com destino ao Estádio do Dragão, ou Fânzeres, saír na estação Verdes e mudar para a linha "B" com destino à Póvoa de Varzim.
Entre as 20h de sábado e a 1h da manhã de domingo haverá uma composição dupla na linha "B" a cada 20 minutos, passando para uma frequência de 30 minutos na hora seguinte. Entre as 2h e as 4h haverá uma ligação por hora em cada sentido. Entre as 4h e as 6h uma ligação a cada 30 minutos, passando para uma frequência de 20 minutos entre as 6h e as 9h de domingo.
Entre as estações do Estádio do Dragão e de Francos o bilhete «andante» a adquirir até à Azurara é o Z6 (6 zonas): de Ramalde e Viso, o Z5; Sete Bicas, Sra. da Hora e Fonte do Cuco, o Z4; Custóias e Esposade, Z3; entre as estações de Verdes e Árvore, o Z2; e entre as estações de Póvoa de Varzim e Santa Clara e o Aeroporto e Árvore também se aplica o tarifário Z2.
O Metro do Porto irá reforçar a frequência, e a partir da estação da Azurara haverá um autocarro gratuito para transportar as pessoas até à praia.
aAddInto

21/08/2011

Opinião: STCP com mau serviço na linha 500!

A STCP está a prestar um mau serviço na linha 500 que liga o Largo dos Lóios a Matosinhos-mercado.

Ao fim-de-semana a linha 500 é muito procurada pelos utentes, e também pelos turistas que procuram aquela linha que circula pela marginal do Douro, passando pelas praias da Foz até ao centro de Matosinhos.
Durante a semana os veículos de maior capacidade como os autocarros articulados e os autocarros de dois pisos servem as linhas de maior procura por parte dos utentes. Aos fins-de-semana quando se regista uma menor procura, as linhas que habitualmente são servidas por autocarros de maior capacidade, passam a ser operadas por autocarros standard, sendo que os autocarros de maior capacidade ficam estacionados nas estações de recolha. A excepção são as linhas que servem as praias como a linha 500, que regista aos fins-de-semana um acréscimo da procura. Por isso, não se compreende a decisão da STCP em colocar autocarros de menor capacidade na linha 500!
Não é por falta de autocarros que a STCP não coloca veículos de maior dimensão a operar na linha 500. É aos fins-de-semana que esta linha regista maior procura. É nestes dias, que os autocarros circulam sobrelotados, estando os autocarros articulados e de dois pisos estacionados nas estações de recolha.
Quando a STCP recepcionou os autocarros de dois pisos prometeu que estes iriam circular na linha 500 aos fins-de-semana, facto que só aconteceu uma vez.
Não se compreende portanto, a decisão da STCP quando tem autocarros de grande dimensão estacionados nas estações de recolha, colocar autocarros standard numa linha com forte procura, com autocarros a circularem sobrelotados. Quando muitos dos utentes pagam 1,75€ num bilhete de bordo para usufruírem de um mau serviço prestado por uma operadora que até há alguns anos atrás era um exemplo na prestação de um serviço público de qualidade no sector dos transportes. Vale ao menos as vistas da cidade!

J.A.

19/08/2011

Primeiro autocarro eléctrico português nas ruas a 9 de Setembro

O primeiro autocarro eléctrico de fabrico totalmente nacional entra ao serviço a 9 de Setembro na Av. da República em Gaia.

O projecto desenvolvido pela Caetanobus e pela Efacec para o fabrico do primeiro autocarro totalmente eléctrico, e que custou cerca de 4 milhões de euros, começará a transportar passageiro já a partir de 9 de Setembro. A cada 15 minutos, das 6h às 23h o autocarro eléctrico irá percorrer a Av. da República em Gaia desde o Jardim do Morro até á Estação João de Deus paralelamente ao canal do metro.
As viagens são gratuitas, mas não terão qualquer encargo financeiro para a Câmara, dado que é um projecto totalmente financiado por empresas privadas.

13/08/2011

Transportes para o Festival «Paredes de Coura»

Realiza-se nos dias 17, 18, 19 e 20 de Agosto na praia fluvial do Tabuão mais uma edição do Festival «Paredes de Coura».

Para chegar a um dos festivais de Verão mais antigos do país de transportes públicos, o comboio e os autocarros da Renex são a melhor opção.
De comboio a partir de Porto-Campanhã, apanhar o comboio regional com destino a Valença. A partir desta estação haverá sempre que se justificar autocarros para ligar ao recinto do festival.
Os autocarros da Renex ligam directamente ao local do festival a partir Vila Real de Santo António, Lagos, Lisboa, Coimbra, Porto e Braga.

11/08/2011

Metro do Porto: estação D. João II encerrada

A estação D. João II da linha amarela do Metro do Porto vai estar encerrada por três semanas.

A partir da próxima terça-feira dia 16 a estação D. João II em Gaia vai estar encerrada, para permitir pequenos trabalhos de ligação à futura estação de Santo Ovídeo que deverá abrir em finais de Setembro, princípios de Outubro.
Durante três semanas e até ao dia 5 de Setembro, quando reabrir a estação, o término da linha "D" far-se-á na estação João de Deus. Os passageiros a partir dali têm a linha 900 da STCP como alternativa de transporte.

09/08/2011

CP oferece viagens no Dia da Juventude

Sexta-feira dia 12, Dia Mundial da Juventude, a CP em colaboração com o IPJ proporciona viagens gratuitas nos serviços urbanos de Lisboa, Coimbra e Porto, e no serviço Regional a todos os jovens com idades entre os 13 e os 25 anos.

A promoção entra em vigor à meia-noite do dia 12 até às 3h do dia 13. Para beneficiar desta oferta, basta apresentar o BI nas bilheteiras, ou a bordo dos comboios, ou à entrada das portas de acesso no caso das estações servidas pelos suburbanos da CP em Lisboa.

Fertagus com informação disponivel no Google Maps

A Fertagus passa a estar disponivel no Google Maps. À semelhança das carreiras da Carris, e das linhas do Metropolitano de Lisboa e do Porto, toda a informação da Fertagus passa a estar disponível no Google Maps.

Sempre que efectuar uma pesquisa no Google Maps, se a informação pretendida coincidir com as localidades servidas pela Fertagus, o comboio que liga a estação de Entre Campos em Lisboa a Setúbal, e da SulFertagus, um serviço de autocarros que serve as principais estações operadas pela Fertagus, o Google mostrará rotas, horários, preços, e mapas interactivos das estações.
O serviço é gratuito e está disponível no browser web de qualquer PC ou smartphone.

08/08/2011

Fertagus oferece 50% de desconto no Dia da Juventude

No Dia Mundial da Juventude que se comemora sexta-feira 12 de Agosto, a concessionária do comboio da ponte, a Fertagus, oferece 50% de desconto na aquisição de qualquer bilhete para viajar na empresa.
O desconto a incidir nos títulos ocasionais da empresa, são válidos para todos os jovens com idades compreendidas entre os 13 e os 30 anos. Os interessados devem-se fazer acompanhar de documento de identificação válido.
A Fertagus efectua ligação entre a estação de Roma-Areeiro em Lisboa e Setúbal.

SMTUC altera sistema de bilhética até ao final do ano

A empresa municipal Transportes Urbanos de Coimbra vai instalar um novo sistema de bilhética até ao final do ano.

O novo sistema de bilhética desenvolvido pela empresa portuguesa Novabase contempla a instalação a bordo dos autocarros de validadores de tecnologia sem contacto, e consola de emissão e venda de títulos.
Os SMTUC foram a primeira empresa nacional a adoptar a tecnologia sem contacto em 1998. Os validadores contemplavam a leitura de cartões de tecnologia sem contacto usado nos passes mensais, e de bilhetes magnéticos usados como títulos ocasionais. A nova bilhética a instalar apenas contempla títulos de tecnologia sem contacto que irão ser usados para além das assinaturas mensais, para títulos ocasionais pondo fim aos títulos magnéticos.
O processo que tornará a validação mais rápida e eficiente, permite igualmente a aquisição de títulos a bordo das viaturas, sendo estes dados enviados em tempo real para a base operacional da empresa.
O novo sistema permitirá também a partilha com outros meios de transporte e com o carsharing.

03/08/2011

Horarios do Funchal privatizados

Alberto João Jardim confessou ontem que a empresa regional de transportes Horários do Funchal será privatizada em breve.

O presidente do Governo Regional admite ter dado há cerca de um mês instruções à Secretaria Regional com a área dos transportes para iniciar o processo de privatização da empresa funchalense, que deverá acontecer pouco tempo depois das eleições legislativas regionais de Outubro próximo.
Alberto João Jardim criticou as politicas dos anteriores governos por terem negligenciado a situação financeira das transportadoras de Lisboa e Porto, ao terem praticado tarifários abaixo do valor da inflação levando ao buraco financeiro dos operadores públicos. A respeito dos aumentos tarifários, João Jardim diz que na Madeira não haverão aumentos intercalares dado que, todos os anos os preços sofrem um aumento de acordo com o nível da inflação, evitando que a empresa regional tenha problemas financeiros.

02/08/2011

Mais de 500 títulos de transporte em Lisboa vão desaparecer

Os mais de 500 títulos de transporte da Região de Lisboa vão desaparecer. A garantia foi dada pelo ministro da Economia Álvaro Santos Pereira, que tutela o sector dos transportes.

O ministro garantiu que nos próximos meses haverá uma reestruturação no sector dos transportes, e uma reestruturação tarifária das empresas, dando como exemplo os mais de 500 títulos de transporte existentes na Região de Lisboa, que se revela pouco eficiente.
Sabe-se que as empresas estatais de transportes têm uma divida histórica acumulada de cerca 17 mil milhões de euros. O Governo quer estruturar o sector, assumir a divida como divida pública, e concessionar serviços aos privados. A reestruturação passa por cortar nos desperdícios, cortar em cargos dirigentes, rescisões amigáveis, e simplificação da estrutura das empresas entre as quais, a do sistema tarifário.
A reestruturação do sistema tarifário passa por simplificar as modalidades e zonamentos de títulos, criando títulos multimodais e universais, com menos zonas, e eliminando grande parte dos títulos monomodais e combinados existentes, um pouco à semelhança da estrutura tarifária do Porto em que por exemplo, não existem títulos próprios do Metro, e os títulos existentes com alguma excepções, são válidos na maior parte dos operadores.

O ministro assumiu ainda, que em Janeiro haverá uma nova subida do preço dos bilhetes. Estima-se que esse aumento ronde os 2,8%. Entretanto, dentro duas semanas será apresentado  novo tarifário social para as famílias de menores rendimentos, que não sejam capazes de sopurtar o aumento médio de 15% que se verificou no inicio deste mês.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search