28/01/2015

Ryanair lança terceira ligação diária entre Lisboa e o Porto

youtube.com/ipsisnet
A partir de Abril, a Ryanair vai passar a disponibilizar 3 rotas diárias em cada sentido, entre Lisboa e o Porto.

A partir do dia 1 de Abril, a Ryanair passa a disponibilizar 3 ligações diárias em cada sentido a ligar a capital e a Invicta. A partir do Aeroporto Francisco Sá Carneiro, haverá uma ligação às 6:30h, 13:55h, e 21:05h.
Já a partir do Aeroporto da Portela, as ligações disponibilizadas a partir desta data são às 7:55h, 12:35 e 19:45. As reservas já podem ser feitas em Ryanair.pt.

24/01/2015

Metro e comboios na preferência dos portugueses

facebook.com/transportesonline
Metro do Porto
O metro e comboios estão no topo da preferência dos portugueses. Um estudo realizado pela Deco em 2014, nas regiões de Lisboa, Porto e mais vinte cidades portugueses, revela que o Metro do Porto lidera a tabela com um índice de satisfação de 84%, seguido da Fertagus com 81%.

O estudo que contemplou 31 aspetos como a pontualidade e assiduidade, informação nas paragens e nos veículos, rapidez, intermodalidade, tarifários, segurança, entre outros aspetos, revela que o metro e os comboios estão no topo das preferências dos portugueses quando decidem deslocar-se de transportes públicos, apesar da maioria o fazer de autocarro. Este estudo revela ainda, que as empresas de autocarros urbanos são os menos preferidos dos utentes de transportes públicos, e os que motivam mais queixas. A liderar esta tabela de satisfação está o Metro do Porto que alcança um índice de satisfação de 84%, seguido da Fertagus com 81%, a CP Porto com 78%, o Metro de Lisboa e o Metro Sul do Tejo com 70% cada.
Na região de Lisboa o metro da capital é o que transporta mais passageiros, sendo a TST a que apresenta menor índice de satisfação. Já no Porto é a STCP que transporta mais passageiros, mas é o metro o preferido dos utentes. Também a Rede Expressos aparece neste estudo como a empresa de transportes rodoviários com melhor índice de satisfação.
Apesar de tudo, os portugueses continuam a preferir deslocar-se de automóvel por acharem mais conveniente, e mais económico face aos transportes públicos.

16/01/2015

Conselho de Administração da STCP e Metro do Porto aprova concessão à TMB/Moventis

facebook.com/transportesonline
O Conselho de Administração da STCP e Metro do Porto aprovaram a subconcessão das duas empresas à TMB/Moventis.

Com a exclusão do júri do concurso da inglesa National Express, o consórcio espanhol TMB/Moventis como único concorrente à subconcessão das duas empresas foi aprovado pelo Conselho de Administração da STCP e Metro do Porto para vir a operar as duas empresas nos próximos 10 anos de acordo com as regras impostas no Caderno de Encargos. Resta agora ao governo aprovar a subconcessão a este consórcio que terá de seguida de obter o visto do Tribunal de Contas.
Prevê-se que a TMB/Moventis possa estar em condições de entrar na operação das empresas a 1 de Abril.

Multa para maus comportamentos nos transportes

facebook.com/transportesonline
Entrou hoje em vigor um novo regulamento que penaliza os maus comportamentos nos transportes rodoviários de passageiros.

Tanto nos autocarros, como nos táxis, passageiros que perturbem a ordem pública, nomeadamente que causem incómodo a outros passageiros como falar alto, ter telemóvel a tocar musica, passageiros que tenham os pés nos estofos dos acentos, tentem entrar o sair depois da porta estar fechada, ocupar lugar reservado a pessoas de mobilidade reduzida, são alguns dos exemplos que podem resultar na aplicação de multa mesmo que o passageiro "prevaricador" possua título de transporte válido. De fora por enquanto, fica de fora o transporte ferroviário e fluvial.
A mesma portaria estabelece compensação aos passageiros por atraso dos transportes públicos superior a 90 minutos, caso o motivo do atraso seja da responsabilidade da empresa, embora a lei não contemple os passageiros portadores de assinatura mensal.

15/01/2015

CP reduz comboios na linha de Cascais

facebook.com/transportesonline
A CP vai reduzir a partir da próxima segunda-feira o número de comboios a circular na linha de Cascais. Das atuais 251 ligações aos dias úteis, a CP vai retirar por dia 51 ligações, passando para 200 aos dias da semana.

Devido ao material circulante que se encontra em estado obsoleto, segundo declarações da própria CP, e que consomem cada vez mais tempo em reparações devido à escassez das peças, já que muito do material em circulação data da década de setenta, havendo inclusive algum material de 1959, e perante a impossibilidade da empresa introduzir nesta linha comboios que atualmente circulam noutros eixos por causa da diferença na voltagem, a CP vai  reduzir a oferta sobretudo fora do período das horas de ponta, eliminando os comboios rápidos entre Oeiras e o Cais do Sodré. No período entre as 10h e as 17h, e depois das 20h, os comboios passam a parar em todas as estações no eixo Oeiras/Cais do Sodré.

Atualização!

A partir de 1 de Fevereiro a CP vai repor 2 comboios suprimidos no passado dia 18, com origem e chegada a Cascais. Na prática, dos 51 comboios suprimidos, mantém-se a supressão de 49 comboios que circulavam no eixo Oeiras/Cais do Sodré. A hora de ponta da tarde que agora cobre o período 17/20h, será alargado até às 20:30h, não se registando nenhuma supressão de comboios neste horário.

Consulte aqui os novos horários!

Notícia atualizada em 23/Janeiro de 2015

08/01/2015

Governo aprova nova administração dos Tansportes de Lisboa

facebook.com/transportesonline
Catamarã da Transtejo
O governo aprovou a nova administração para a Carris e Metro de Lisboa, e que agora vai agregar também a Transtejo e a Soflusa

Está aprovada a nova administração conjunta da Carris, Metro de Lisboa, Transtejo e Soflusa. Rui Loureiro, ex-administrador da Refer, é o nome escolhido para presidir à administração que reúne as quatro empresas de transportes de Lisboa. Desde Setembro de 2012, que existe uma administração conjunta da Carris e do Metro de Lisboa, na sequência da fusão operacional das duas empresas, e que deu origem à marca Transportes de Lisboa, a que agora se junta as transportadoras fluviais do Tejo, a Transtejo e a Soflusa.
A administração completa-se com os vogais Tiago Carvalho dos Santos, Pedro Alexandre Aleixo Gomes, Maria Manuela Figueiredo, e José Rui Roque.

06/01/2015

National Express excluída na corrida à subconcessão dos transportes do Porto

facebook.com/transportesonline
O grupo britânico National Express, um dos dois concorrentes à subconcessão da STCP e Metro do Porto, foi excluído na corrida à operação das empresas de transporte pelo júri do concurso por alegadamente ter entregue a candidatura fora do prazo de validade, que recorde-se, terminou no passado dia 30 de Dezembro às 19h.

Dos concorrentes à subconcessão para a operação da STCP e do Metro do Porto, resta a espanhola TMB/Moventis que opera os transportes públicos de Barcelona, que à semelhança da National Express, apresentou três propostas para a gestão das empresas de transporte nortenha: duas para gestão de cada uma das empresas de transporte, e uma terceira para a subconcessão conjunta da STCP e Metro. Se a National Express não recorrer desta decisão, prevê-se que a TMB possa vir a assumir a operação das empresas já em Abril, depois de terminar o prazo de concessão do Metro do Porto com o consórcio Via Porto, recentemente prolongado até ao final de Março.

02/01/2015

Rodoviária de Lisboa e TST prolongam campanha de descontos

youtube.com/ipsisnet
autocarro da TST
A Rodoviária de Lisboa e a TST prolongaram a campanha de descontos nas tarifas de bordo até ao próximo dia 28 de Fevereiro.

As duas empresas decidem prolongar esta campanha pelo "enorme sucesso" e um aumento significativo do número de clientes ocasionais registados ao longo dos meses que a campanha de descontos esteve em vigor. Assim, a Rodoviária de Lisboa e a TST prolongam por mais dois meses a campanha de descontos nos títulos adquiridos a bordo dos autocarros.

01/01/2015

Dois interessados na subconcessão do Metro e STCP

youtube.com/ipsisnet
Há dois interessados na subconcessão do Metro do Porto e STCP. O prazo para a entrega de propostas que terminou na passada terça-feira apurou dois interessados na subconcessão das duas empresas.

Os ingleses da National Express, um dos maiores grupos britânicos de transportes com presença em vários países como a Alemanha, Espanha e Estados Unidos; e também os espanhóis da TMB/Moventis que asseguram a operação dos Transportes Metropolitanos de Barcelona, são os dois únicos interessados na subconcessão da STCP e Metro do Porto.
Os dois operadores apresentaram propostas individuais para a subconcessão do Metro e STCP, e também propostas para a gestão conjunta de ambas as empresas. Segue-se agora um período para análise das propostas que poderá levar 180 dias.
De relembrar que o governo e o consórcio ViaPorto acordaram prolongar o atual contrato de concessão do Metro do Porto até ao final de Março, dado que em 31 de Dezembro terminava a atual concessão, mas devido aos atrasos do novo concurso, ainda não havia novo operador para o Metro do Porto a 1 de Janeiro.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search