30/01/2017

A partir de hoje é possível pedir fatura com contribuinte das assinaturas Andante

Os Transportes Intermodais do Porto (TIP) lançaram hoje uma ferramenta que permite pedir fatura com contribuinte relativo à aquisição de títulos de assinatura Andante. 

O site linhandante.com passou a disponibilizar uma ferramenta que permite a quem adquire assinatura mensal Andante, pedir fatura com contribuinte diretamente no site, bastando para o efeito, inserir os dados de compra nos 5 dias imediatos após carregamento de passe. Até agora só era possível requerer fatura com contribuinte nas lojas Andante.
Para quem não dispõe de computador, e carrega o passe nas máquinas automáticas, continuará a ser possível requerer fatura com contribuinte nas lojas Andante, Loja da Mobilidade da Estação de São Bento, e bilheteiras da CP com carregamentos Andante.

Também em Lisboa esta ferramenta está disponível online desde o início de Janeiro embora, só seja possível pedir fatura com contribuinte 48 horas após aquisição do título transporte, sendo que depois tem 5 dias para pedir a fatura online através do portalviva.pt, no caso dos títulos adquiridos nos postos e agentes da Carris, Metro, Transtejo/Soflusa e CP.

*A dedução de IVA nos transportes públicos é válida para títulos adquiridos a partir de 1 de Janeiro de 2017, apenas para assinaturas mensais.

28/01/2017

Tarifário da Carris com desconto para reformados e crianças entra em vigor a 1 de Fevereiro

facebook.com/transportesonline
ponto de venda Carris
A partir do próximo dia 1 de Fevereiro o passe Navegante que permite viajar em toda a rede da Carris, Metro, e ainda nos comboios da CP na malha urbana de Lisboa, vai ter 1 desconto de 60% para reformados e pensionistas.

A medida anunciada por Fernando Medina, presidente da Câmara Municipal de Lisboa, a assinatura do Memorando da passagem da capital da Carris para o município lisboeta, que prevê que o passe Navegante urbano que atualmente tem um custo mensal de 36,20€ (27,15€ para reformados e pensionistas que legalmente já beneficiam de um desconto de 25%), passem a pagar pelo mesmo título apenas 14,50€, ou seja, um desconto de 60% face ao preço normal. Outra das medidas passa pelo uso gratuito dos transportes (Carris, e Metro de Lisboa) de crianças até aos 12 anos, que possuam cartão Lisboa Viva com perfil Criança. Atualmente, e por lei, crianças até aos 4 anos viajam gratuitamente. A partir da próxima semana, nestes operadores, as crianças até aos 4 anos continuam a poder viajar gratuitamente desde que acompanhadas pelos pais, mas as restantes terão sempre de validar o passe, embora o título de transporte seja carregado gratuitamente no cartão Lisboa Viva. 

18/01/2017

Cascais chega a acordo com a CP e Scotturb para baixarem preço dos passes

facebook.com/transportesonline
autocarro da carreira BusCas da
Scotturb
A Câmara Municipal de Cascais anunciou ter chegado a acordo com a CP e a Scotturb para baixarem o preço do passe integrado destes operadores.

A 7 de Julho a Câmara de Cascais dava a conhecer um plano ambicioso para a mobilidade no concelho, que concentrava num único título de transporte carreiras de autocarros que viriam a ser disponibilizados pelo município em percursos específicos, parques de estacionamento e uso de bicicleta. Agora a edilidade diz ter conseguido um acordo com a CP e a Scotturb para que os assinantes do passe combinado da Linha de Cascais e rede da Scotturb possam beneficiar de um desconto no preço do título de transporte, e em simultâneo utilizar os parques de estacionamento disponíveis. De acordo com o site Transportes em Revista, a título de exemplo, o passe de estacionamento +  comboio que antes custava 60,40€, passa a custar 48,40€. O passe da carreira BusCas custava 26,70€, vai passar a custar 20€, e com direito a utilizar os parques de estacionamento, e 30 minutos de aluguer gratuito de bicicleta.

Saiba mais aqui!  Conheça todos os tarifários aqui!

17/01/2017

TCB vão renovar integralmente a frota

facebook.com/transportesonline
atual autocarro a diesel ao serviço
dos TCB
Até 2019 os Transportes Colectivos do Barreiro (TCB) vão adquirir 60 novas viaturas, num investimento global de cerca de 18 milhões de euros.

As 60 viaturas a adquirir terão um custo para a empresa rodoviária, propriedade do município do Barreiro, de 14,5 milhões de euros, cujo montante será obtido através de empréstimo bancário, e o restante através de fundos comunitários. Trata-se do maior investimento alguma vez feito nos TCB ao longo dos 60 anos de existência, que dotará a empresa de uma frota inteiramente renovada através de autocarros movidos a gás natural comprimido. A opção por autocarros a gás natural, apesar de mais dispendiosa, prende-se com o facto de serem mais amigos do ambiente, e de se tratar de um combustível mais barato face ao diesel. Assim, prevê-se no médio/longo prazo um retorno do investimento.

16/01/2017

O Andante vai ser alargado até à Trofa nos percursos urbanos da CP

facebook.com/transportesonline
A rede intermodal Andante vai ser alargada a 6 novas estações da CP, no percurso compreendido entre Ermesinde e a Trofa. As estações em causa são: Travagem, Leandro, S. Frutuoso, São Romão, Portela e Trofa.
Ainda neste primeiro semestre está previsto o alargamento do Andante ao concelho de Paredes, que abrangerá os operadores rodoviários que operam neste concelho, e o alargamento entre a Trofa e Santo Tirso no percurso da linha de Guimarães da CP, que iria beneficiar mais duas estações.

Em cima da mesa está ainda a possibilidade da extensão a S. Martinho do Campo, no concelho de Valongo, na linha Marco/Caíde, e a Sul à Linha do Vouga.

14/01/2017

ANDANTE tem nova imagem

O ANDANTE, título de transporte intermodal do Grande Porto, surge com uma imagem renovada.

No passado mês de Maio de 2016 os Transportes Intermodais do Porto (TIP), que gere a rede Andante, lançou um concurso a jovens criativos para renovar a imagem do Andante, volvidos 14 anos após a sua criação. O vencedor, entre cerca de 400 propostas apresentadas,  foi a Marion Mazer, um atelier de Matosinhos.
A partir da próxima 2ª-feira dia 16 de Janeiro, os cartões com a nova imagem já estarão à venda.
Os novos cartões apresentam alguns avanços tecnológicos face aos atuais, mas o título Andante ocasional passa a ter validade de um ano após aquisição, e o cartão Andante de assinatura mensal passa a ter validade de 5 anos. Até agora, nenhum dos cartões de suporte tinham validade. Para quem detém cartões ocasionais pode trocá-los pelos novos cartões de forma gratuita durante os próximos 6 meses nas lojas Andante e agentes PAGAQUI. Para quem possui o Andante Gold, tem um ano para trocar gratuitamente pelo novo cartão prateado nas lojas Andante. O saldo existente nos cartões atuais são transferidos para os novos cartões no momento da troca. Todavia, ainda é possível utilizar os atuais cartões ao longo dos próximos meses.

04/01/2017

Pedido de faturas nos transportes de Lisboa e Porto só online ou em lojas

facebbok.com/transportesonline
autocarro da Carris
A aprovação do Orçamento de Estado (OE) para 2017, deu a possibilidade aos utentes dos transportes públicos de poderem deduzir em sede de IRS até 100% do IVA pago pelos passes, que se situa nos 6%. Contudo, quer na região de Lisboa, como do Porto, pedir fatura com NIF, obrigatório para beneficiar da dedução, tem sido uma tarefa complicada para quem adquire os títulos de transporte numa máquina de venda automática.

A dificuldade reside no facto das máquinas de venda automáticas, ainda não terem software preparado para a emissão de fatura com contribuinte. Em Lisboa por exemplo, é possível obter uma fatura com NIF, apenas 48 horas após a aquisição do passe, através do portalviva.pt, e por um período apenas de 5 dias após aquisição do título de transporte, isto no caso de títulos adquiridos na Carris, Metro de Lisboa, ou agentes Payshop.Saiba mais aqui!
Já no Porto, os clientes são obrigados a dirigirem-se a uma loja Andante com recibo da compra para solicitar a fatura com contribuinte.

*A dedução de IVA nos transportes públicos é válida para títulos válidos a partir de 1 de Janeiro de 2017, apenas para assinaturas mensais.

02/01/2017

Governo assina hoje contrato de transferência da gestão da operação da STCP

facebook.com/transportesonline
O governo assina hoje com as autarquias do Porto, Gaia, Matosinhos, Gondomar, Maia e Valongo o contrato de transferência da gestão da operação da STCP para um período máximo de 7 anos.

Em Junho passado foi assinado o Memorando de transferência da gestão da transportadora para os 6 municípios onda a STCP opera, sendo que hoje é oficialmente assinado o contrato com aquelas autarquias que passarão a gerir a empresa até 2023.
Cabe ao Porto designar o presidente do Conselho de Administração, e ao Estado o administrador financeiro, a quem compete  direito de veto em matérias que ponham em causa a sustentabilidade financeira da empresa. O Estado continua como acionista e nos primeiros anos ajudará a comparticipar as despesas de operação de serviço público juntamente com as autarquias, sendo que a responsabilidade destas irá aumentar progressivamente ao longo dos anos. Ao Estado caberá ainda ficar com a divida histórica da empresa, e adquirir nos próximos 7 anos 320 autocarros a gás natural num investimento global de 88 milhões de euros. Todavia, o contrato de gestão terá de passar ainda pelo crivo do Tribunal de Contas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search