23/08/2012

Governo aprova dissolução da administaração Metro de Lisboa

O Governo aprovou hoje em Conselho de Ministros a dissolução do Concelho de Administração do Metro de Lisboa com vista à fusão com a Carris.

Para a presidência do Concelho de Administração da nova empresa resultante da fusão, a Transportes de Lisboa, é eleito Silva Rodrigues atual presidente da Carris.
Para que o processo de fusão tenha lugar, ambas as empresas deverão fazer ajustes internos, como a alteração estatutária.
A dissolução da Administração do Metro abre caminho à nomeação de uma administração comum à Carris, que levará à fusão das empresas.

22/08/2012

STCP disponibiliza mapas integrados com Metro e CP

A STCP passou a disponibilizar nos seus postos de atendimento, mapas da rede integrados com a rede do Metro e CP Porto.

Os mapas estão disponíveis nos postos de atendimento da operadora junto ao Hospital de S. João e no Bom Sucesso, e têm um custo de 0.50€.

17/08/2012

Maquinistas do Metro Sul do Tejo em greve

Os maquinistas do Metro Sul do Tejo estarão em greve de 24 de Agosto a 3 de Setembro.

Neste periodo entre as 22h e as 3h da manhã os maquinistas da empresa farão greve. No dia 24, e de 27 a 31 de Agosto a paralisação extende-se pelo periodo entre as 7:30h e as 9:30h.
Os maquinistas protestam contra a falta de pagamento das horas extraordinárias, o valor do subsidio de transportes, e as condições de segurança.

11/08/2012

Greve nos transportes dia 15 de Agosto

No feriado do próximo dia 15 de Agosto trabalhadores afectos a sindicatos das empresas públicas de transportes farão greve, prevendo-se um dia de constrangimentos no sector.

Na CP prevêem-se fortes perturbações em todos os serviços. Porém, serão assegurados serviços mínimos nas ligações Inter-Cidades e Alfa Pendular.

Em Lisboa, e por decreto do Tribunal Arbitral, a Carris apenas garante o funcionamento a 50% nas carreiras 703,728,729,736,742,755 e 783.
No Metro de Lisboa apenas a linha azul e verde estarão abertas, embora possam ocorrer fortes perturbações. Nas duas linhas apenas haverão comboios entre as 8:30h e as 19h. Na linha azul apenas as estações Amadora-Este, Pontinha, Colégio Militar, Jardim Zoológico, Praça de Espanha, Marquês de Pombal, Restauradores, Terreiro do Paço e Santa Apolónia estarão a funcionar. Na linha verde estarão abertas as estações Campo Grande, Roma, Alameda, Anjos, Rossio, Baixa-Chiado e Cais do Sodré. As linhas amarela e vermelha estarão encerradas.
Já na terça-feira dia 14 se esperam perturbações a partir das 23:30h.
No Metro Sul do Tejo prevêem-se fortes condicionamentos ao longo do dia.

No Porto os sindicatos dos trabalhadores da STCP convocaram greve por 24 horas, embora o impacto se faça sentir ligeiramente.
Quanto ao Metro do Porto, tratando-se de uma empresa concessionada, não foi convocada greve.

03/08/2012

Ramal de Cáceres fecha a 15 de agosto

A Refer vai encerrar o Ramal de Cáceres (Torre das Vargens / Marvão-Beirã) à exploração ferroviária a partir do próximo dia 15 de agosto, dando assim seguimento a uma das medidas previstas no PET – Plano Estratégico de Transportes. Segundo a gestora da infraestrutura ferroviária “em consequência, a partir desta data, o comboio internacional Lusitânia passará a circular, em itinerário alternativo, pela Linha da Beira Alta”. Atualmente, o comboio-hotel Lusitânia, que faz a ligação entre Lisboa e Madrid, era o único serviço ferroviário a circular no Ramal de Cáceres, uma vez que a CP suspendeu o serviço regional de passageiros em fevereiro de 2011. Este ramal, inaugurado em 1880, faz a ligação entre a estação de Torre das Vargens, na Linha do Leste, com a fronteira espanhola na estação de Marvão-Beirã, numa distância total de 81,5Km.
 
in: Transportes em Revista de 3 Ago/12

02/08/2012

Governo anúncia fases de privatização da TAP

O Governo decidiu hoje em Conselho de Ministros a privatização da TAP.

O processo de privatização será realizado em duas fases. A primeira, através de oferta directa em que será alienado parte do capital da empresa. A segunda, através de uma oferta pública de acções do capital social aos trabalhadores.
O Governo decidiu igualmente, que a TAP deverá manter o seu centro de controlo em Portugal, continuando a ser a companhia de bandeira portuguesa.
O processo de privatização estará concluído até ao final do ano.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search