16/10/2015

Rodoviária de Lisboa pode vir a abandonar passes sociais

youtube.com/ipsisnet
A Rodoviária de Lisboa pode vir a abandonar a participação no sistema de passes sociais da Área Metropolitana de Lisboa.

A Barraqueiro, acionista da Rodoviária de Lisboa admitiu que a empresa pode vir a abandonar a participação no sistema de passes sociais da Área Metropolitana de Lisboa caso o diploma aprovado em 2013 pelo governo que regulava a distribuição das receitas entre os diferentes operadores de transporte não seja aplicado.
A Barraqueiro reclama 13,4 milhões de euros para a Rodoviária de Lisboa referente aos anos de 2012 e 2013 pela não aplicação do diploma que tinha efeitos retroactivo precisamente aos anos de 2012 e 2013.
A Barraqueiro refere que 80% dos passageiros da Rodoviária de Lisboa utilizam o passe social, e que compete ao Estado e não aos operadores pagar para assegurar aos clientes a participação no passe social, pelo que critica as entidades que referem que a RL tem sido beneficiada na distribuição das receitas. Para Humberto Pedrosa presidente da Barraqueiro, a RL está a ser prejudicada e não beneficiada dado que o referido acordo com o Estado se estivesse a ser aplicado a RL iria receber mais dinheiro, pelo que admite vir a sair do sistema de passes sociais a curto prazo se a situação não for ultrapassada.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search