► App Navegante já disponível para download. ► Grande Porto: já é possível carregar títulos Andante com o telemóvel através da aplicação Anda. ► Carris disponibiliza app CARRISWay para carregamento de títulos Navegante no telemóvel. ► Carris e Carris Metropolitana disponibilizam informação em tempo real no Google Maps.

16/11/2023

UNIR começa a operar a 1 de Dezembro. O que vai mudar?

www.facebook.com/autocarrosBus
A nova rede de autocarros da Área Metropolitana do Porto (AMP) começa a operar no próximo dia 1 de Dezembro.
O contrato superior a 311 milhões de euros é válido por 7 anos, termina com um modelo de concessões herdado de 1948. Vamos perceber o que vai mudar nos transportes da Área Metropolitana do Porto.

UNIR é marca dos transportes rodoviários em 16 dos 17 municípios que compõem a AMP, com uma imagem, sistema de bilhética, tarifário e informação ao público comum. Ficam de fora as linhas da STCP em toda a rede onde opera.
O território da AMP foi dividido em 5 lotes. Em cada um deles vai operar uma nova empresa de transportes que ganhou a concessão na sequência de um Concurso Público Internacional lançado em 2020. Ao todo serão vão existir 439 linhas, servindo 11500 pontos de paragem, com uma frota de 680 autocarros, dos quais 80% com norma Euro 6.

No lote 1 (Norte Centro), abrange os concelhos da Maia, Matosinhos e Trofa, com uma oferta de 61 linhas. Foi adjudicado ao consórcio formado pela Barraqueiro e a Resende (Vianorbus).

No lote 2 (Norte Nascente), representados pelos municípios de Gondomar, Paredes, Santo Tirso e Valongo, compreende 102 linhas. Foi adjudicado à espanhola Alsa (NEX Continental Holdings S.L.).

Já para o lote 3 (Norte Ponte), inclui os concelhos de Póvoa de Varzim (11 linhas) e Vila do Conde (35 linhas em operação), foi ganho pelo consórcio que integra a Minho Bus, A. V. Minho e Litoral Norte (Porto Mobilidade).

No lote 4 (Sul Poente), estão os municípios de Espinho (10 linhas) e Vila Nova de Gaia com 81 linhas). Foi ganho pelo consórcio Bus On Tour que integra a Auto Viação Feirense (Transportes Beira Douro, Lda.).

Finalmente no lote 5 com 136 linhas (Sul Nascente), inclui os municípios de Arouca (21 linhas), Oliveira de Azeméis (34 linhas), Santa Maria da Feira (57 linhas), São João da Madeira (11 linhas) e Vale de Cambra (13 linhas). Foi adjudicado ao consórcio que integra a Empresa Monforte S.A. e a espanhola Xerpa Mobility (Xerbus, Lda.). 

O que vai mudar a partir de agora?

Nestes 16 concelhos, todos os autocarros passam a ter a mesma marca e a mesma imagem (UNIR), exceto as linhas da STCP, com um sistema de comunicação comum, e sistema bilhética Andante. Haverá um reforço substancial da oferta, mais e melhor informação.

É necessário mudar o cartão Andante?

Não. Os cartões de suporte Andante assinatura e ocasional mantém-se válidos, não sendo necessário proceder à sua substituição.

O tarifário vai ser alterado?

Não. O tarifário Andante passa a ser válido em todo o território da AMP. Relativamente às assinaturas mensais, mantém-se o preço de 30€ para a assinatura mensal válida dentro de um dos municípios da AMP ou até 3 zonas contíguas, ou de 40€ para todo o território metropolitano, bem como o Andante Família, e os descontos Só ial +, 4_18 e Sub23. No que respeita aos títulos ocasionais pré-comprados, mantém-se o atual modelo de acordo com o número de zonas existentes.
Nas tarifas de bordo há 2 valores de acordo com as zonas: Z2, Z3 e Z4 terá um custo de 2,20€, de Z5 a Z9 vai custar 4,40€. Os bilhetes comprados a bordo apenas serão válidos para a viagem em que foram adquiridos.

Onde posso adquirir bilhetes e tratar da requisição do passe?

Pode continuar a carregar o seu passe no Multibanco, agentes Payshop, máquinas automáticas do metro e CP, Lojas Andante, Loja da Mobilidade na Estação de S. Bento e nos pontos de venda das empresas concessionárias.

Para requerer ou tratar de assuntos relacionados com o passe, pode fazê-lo nos postos de atendimento dos diferentes operadores e nas Lojas Andante e Loja da Mobilidade na Estação de S. Bento.

A app Anda pode ser utilizada em toda a rede da UNIR. Nos próximos meses toda a bilhética da UNIR irá permitir o pagamento com cartões bancários contactless.    

As linhas atuais vão mudar?

Sim. Uma parte substancial dos percursos vai sofrer alterações para responder a uma melhoria da oferta, e existirão linhas novas. A numeração vai sofrer alterações, passando a ser constituída por 4 dígitos. O primeiro digito identifica o município de circulação de acordo com o destino, fazendo-a coincidir com a da STCP nos municípios onde esta opera.

No lote 1 (Maia, Matosinhos e Trofa) a numeração passa a ser:
Ex: Em Matosinhos a linha 107 da Maré e 61 da Valpi são fundidas numa só linha passando a 5011. Na Maia a linha 13 da Maia Transportes passa a 6007.

Lote 2 (Gondomar, Paredes, Santo Tirso e Valongo), todas as linhas terão a seguinte denominação: 
Ex: Em Valongo a linha 33 da Gondomarense passa a 7316 e em Gondomar a linha 70 passa a 8025. Também em Gondomar são criadas 2 linhas novas que fazem essencialmente o mesmo percurso mas em sentidos opostos: 8030 e 8031 entre Fânzeres (metro) e o Souto. De Valongo para o Porto, a linha V94 da Valpi passa a 7009, efetuando percurso entre a Gandra (CESPU) em Valongo e o Estádio do Dragão.

Ex: Na Póvoa de Varzim e Vila do Conde a linha 1001 da AV. Minho passa a estar identificada com o n° 3503.

Ex: Em Gaia a linha 12 da Espírito Santo passa a 9013 e em Espinho a linha 2000 da UTC passa a 9058.

Ex: Em Santa Maria da Feira a linha 4082 da Transdev passa a 2026 e em São João da Madeira a linha 4099 passa a 1404.

Conheça o conversor de linhas aqui!

Vão existir novas linhas?

Sim. As novas concessões trazem um reforço da oferta em toda a rede e a criação de novas linhas. 

Conheça todas as linhas aqui!

Para questões sobre o novo serviço poderá contactar a AMP através do e-mail  geral@unirmobilidade.pt.

Atualizado a 01/12 às 12:27h com a publicação dos horários do Lote 2.




6 comentários:

Anónimo disse...

A linha 9058 não tem autocarros de volta e nós queremos os autocarros de volta !

Anónimo disse...

A linha 27 da UTC (Espinho-Carvalhos) no horário das 7:40h é substituída por qual? Os alunos iniciam as aulas no Colégio carvalhos (CIC) as 8:30h.

Glória disse...

A linha da Valpi V94 que fazia Valongo - Bolhão, passou a ser a 7009 entre Gandra e Estádio do Dragão passou a ser a 7009 da Unir e não a 5009 como referem. Isto está a induzir em erro

transportes online disse...

Tem razão! Já foi retificado. Obrigado pela observação!

Carlos Almeida disse...

Está se a ver que de Arouca para são João da madeira por chão de ave e Carregosa e no mesmo sentido de São João da madeira Arouca estao a cortar muitos autocarros para a vista da Transdev e posteriormente já pesdoas que como o caso dos meus pais como vao fazer para irem para o hospital sao Sebastião a irem a comsultas e exames e soponhamos que até eu precise de andar em transportes públicos como a xerbus ligado a area motropolitana do porto e porque so da para a rede do porto e nao para o pais inteito

Anónimo disse...

Boa tarde. Colocaram recentemente uma paragem da linha 7009 na avenida Fernando Melo, Valongo. Quando estará ativa? Obrigado!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search