11/07/2018

CP vai reduzir oferta e substituir comboios por autocarros

www.transportes-online.info
Comboio em utilização em alguns
serviços Regionais e InterRegionais

A CP vai reduzir a oferta de comboios e em alguns casos substituir o serviço por autocarros como já vem acontecendo de forma mais continuada na linha do Oeste e do Alentejo. Em causa está a falta de material circulante e a frota envelhecida da CP que se acumula nas oficinas da EMEF, empresa do Grupo CP responsável pela manutenção dos comboios, que por sua vez tem falta de trabalhadores para dar resposta cada vez maior às necessidades da CP.

A CP vai reajustar os horários que compreende uma menor oferta de comboios praticamente em todas as linhas. Os serviços mais afectados são os regionais, mas também o Intercidades que tem várias locomotivas à espera de manutenção. A CP tem vindo a substituir ligações Intercidades com comboios regionais que representam um serviço de categoria inferior ao que o cliente adquire. Noutros casos, os comboios são mesmo substituídos por autocarros dado que o serviço na maioria dos casos tem afetos comboios com praticamente 50 anos.
Na região de Lisboa, a linha de Sintra vai ser a mais atingida. Vão ser retirados comboios sobretudo no horário noturno. À linha de Cascais são retirados gradualmente comboios devido ao estado envelhecido das composições e à falta de peças de substituição. 
Apesar do governo já ter prometido a compra de novos comboios, a decisão tarda a sair do papel. Quando for lançado o concurso, perspectivam-se cerca de 3 anos até à chegada das primeiras unidades. A solução pode passar por alugar comboios a Espanha como já acontece com comboios que circulam na linha do Douro e do Minho. Mas também estes, são comboios já com idade avançada e que sofrem constantes avarias.


Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search