23/09/2009

Opinião: Conclusões Dia de transportes grátis


Desta vez, ao contrário do passado dia 16, a Carris informou os seus clientes sobre a gratuidade das viagens em toda a sua rede tendo para o efeito, colocado um aviso sobre os validadores, evitando que os utentes pagassem a viagem em dia de transporte gratuito.
Em segundo lugar, serve a comemoração do Dia Europeu Sem Carros e a respectiva gratuidade dos transportes, para comprovar que o grande problema de mobilidade existente em Lisboa se pretende com um sistema tarifário complexo, que não favoresse a intermodalidade entre os diferentes operadores.
O Ministério dos Transportes a propósito deste dia, dava a seguinte mensagem no seu site oficial: "É uma semana simbólica e de grande interesse pela reflexão que se faz em torno da mobilidade, mas é necessário que as decisões tomadas por cada um de nós, pelas autarquias e pelo Governo tenham uma maior abrangência temporal..."
Cabe ao Ministério, o orgão que tutela as operadoras Carris, Metro de Lisboa, CP, Transtejo/Soflusa dar o passo para garantir a cada cidadão mais e melhores transportes públicos, entendento-se como tal: conforto, segurança, flexibilidade e rapidez, como acontece em qualquer cidade europeia moderna. E para isso, é fundamental acabar com os títulos monomodais e combinados, embora se entenda que estes continuem a existir na relação com os operadores privados, pelo menos por enquanto, o que não se entende é que o mesmo aconteça com as operadoras públicas acima referidas.

J.A.

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Custom Search